Em Equipa

Se existisse um golden globe para administradora financeira sem dúvida que seria entregue à nossa estrela das notas. Diz que a sua função passa por fazer o seu trabalho e controlar o dos outros. Cláudia trata as notas e as despesas por tu e é tão rígida com as contas bancárias como com os seus colaboradores.
Estudou comunicação, mas o financeiro ganhou o seu coração, não deixando de aplicar os seus estudos diariamente não fosse o pilar comunicativo da nossa organização, uma ferramenta, muito perspineta, que põe a grande máquina a trabalhar.
Quer seja para coser um botão e dançar um pouco de ballet ou ligar a moto serra e cortar umas árvores ela está pronta a por as mãos na massa, desde que possa “ir lá ter de uber”.
No parâmetro dos desportos tem especial queda para desportos radicais e no limite: dormir profissionalmente. Desde janeiro que também dá uns saltos ao ginásio, mas não em grande altura que não é grande fã de altitudes superiores a: pés no chão.
Fala português como ninguém, inglês se tiver mesmo que ser e castelhano como se de uma sevilhana se tratasse; mas o que fala melhor que ninguém é humano com todos os que a rodeiam (e se estiver tudo organizado ninguém se chateia).
Esta é a nossa Cláudia. A vossa Cláudia. Com todo o prazer.